O sono nos cães

O cão doméstico passa aproximadamente 50% do seu tempo a dormir ou em estado de sonolência e nos animais adultos 20% do tempo total do sono é REM.

Isto é igual em todas as raças de cães. O cão adota uma postura caraterística para dormir, deitado, com a cabeça dirigida para um lado e para trás, com pequenas variações de acordo com o indivíduo e o lugar onde dorme.

O descanso do nosso cão

Durante a fase REM pode haver movimentos das patas, vocalizações, e até mesmo alterações no seu ritmo respiratório, porque a atividade do cérebro é parecida à de um animal acordado. Em ocasiões os cães que são acordados bruscamente nesta fase do sono podem chegar a morder. Não se pode determinar se sonham ou não, ainda que se diga que as pessoas sonhamos nesta fase, isto não é completamente certo; o que acontece é que é mais fácil lembrar os sonhos experimentados na fase REM.

O ronco durante o sono não é exclusivo da idade, mas sim se relaciona mais com as raças. Assim, as raças braquicefálicas como o Bulldog, Pequinês, Pug, Boxer costumam ter roncos desde cachorros e aumentam com o passar dos anos. Quando o ronco se dá nestas raças pode ser sinal de várias patologias relacionadas com esta formação, pelo estreitamento anatómico das vias respiratórias aéreas superiores, que cria uma pressão respiratória negativa durante a inspiração, pelo palato mole alongado, pela estreiteza ou estenose das narinas e o colapso da laringe.

O momento e lugar de dormir

O descanso noturno do cão deve corresponder ao nosso. Isto quer dizer, ao deitar-nos nós, os animais de estimação devem habituar-se a descansar também. Se for um cachorro deve ser desde a chegada em casa, o seu cantinho ou lugar com uma cama ou manta onde dormir. Se ele escolher o sítio, e estivermos de acordo, colocaremos a sua cama aí.

No geral durante os primeiros dias do cachorro na nova casa pode ser difícil para ele conciliar o sono, já que pode sentir falta da sua mãe e irmãos, por tanto podes colocar algum brinquedo tipo peluche, alguma roupa com o nosso cheiro ou até um relógio perto do seu berço para recordar o som do coração da sua mãe. O cão adulto deve descansar num lugar confortável como para que possa esticar-se se quiser e protegido das variações do tempo.

Diferenças entre interior e exterior

Há diferença entre os cães que dormem dentro de casa e os que estão fora, em um jardim; em ambas as situações devem descansar bem. Para exterior há casotas de diferentes materiais, podem ser de plástico ou de madeira e de todos os tamanhos necessários. Algumas são construídas com câmara de ar ou sem ela. Os materiais são isolantes e há muitos modelos disponíveis de acordo com o gosto do proprietário.

Para interior os colchões e berços também são de diferentes materiais como couro, pele neoprene, plástico e tecido. Estes últimos laváveis e fáceis de desmontar. Para os cães grandes, com mais de 20 Kg, é conveniente que durmam em superfícies macias, colocando algum tipo de colchão, até mesmo dentro da sua casota para evitar assim a formação de cotoveleiras que se fazem nas zonas das articulações e que são muito desconfortáveis.

Se o nosso animal de estimação dorme bem, nós também o faremos e ambos teremos a força necessária para afrontar o novo dia.

« Anterior

A síndrome de Wobbler

Golden Retriever

Seguinte »

Deixe um comentário

¿Necesitas hacer una consulta veterinaria? Recuerda que tu veterinario de confianza es siempre el mejor profesional para ayudarte con la salud y el cuidado de tu mascota. Mas, da Tiendanimal , queremos sempre oferecer o melhor e, para isso, temos uma equipe de especialistas que o aconselharão através do Serviço de Consulta Veterinária em nosso site.