Diarreia no cão

,

Um dos problemas mais frequentes nos cães é a diarreia. Às vezes soluciona-se só com dieta, mas outras é preciso um diagnóstico e tratamento específicos.

O sistema digestivo do cão é muito similar ao do humano. A digestão normal dos nutrientes começa no estômago (os cães praticamente não mastigam a comida) e continua na primeira parte do intestino delgado mediante as enzimas pancreáticas, a bílis e as enzimas proteolíticas presentes nas células da mucosa intestinal. Na segunda e terceira parte do intestino delgado e no intestino grosso é realizada a absorção da água presente no material digerido e dá como resultado a matéria fecal.

A diarreia é um aumento na quantidade de água na matéria fecal, acompanhado de uma maior frequência e maior volume das fezes. Por sua vez a diarreia pode ser aguda ou crónica. A mais comum é a aguda, no geral requer apenas de tratamento sintomático e é resolvido por si próprio. Quando este tratamento não é suficiente, o problema persiste e torna-se crônico. Nestes casos é necessário fazer um diagnóstico mais preciso para poder iniciar o tratamento específico.

Diarreia aguda

Começa de forma repentina e pode estar acompanhada por vômitos, dor abdominal, depressão, febre, falta de apetite e desidratação. As causas podem ser:

  • Infecciosa. Provocada por vírus, como o Parvovírus (é muito severa, com abundante sangue e vómitos), ou parasitas. Esta última pode ser mais ou menos grave segundo o parasita que a provocar (coccídios, giárdias, nematoda ou vermes planos), a idade do doente e o estado sanitário. O teu veterinário irá precisar de uma análise de matéria fecal para descobrir qual é o parasita causante e fornecer o tratamento aplicável.
  • Tóxica ou metabólica. Nestes casos a diarreia costuma ser só um dos sinais clínicos observados. O resto dos sintomas dependem do tóxico ou da doença do cão.
  • Alimentar. É a mais comum. Pode ser provocada por uma quantidade excessiva de comida, por comer algo estragado, por uma mudança brusca na dieta ou por sensibilidade do animal a algo que comeu. Se te lembrares do que o teu cão comeu nesse dia ou no anterior, poderás saber o que é que fez mal ao animal.

No geral, os casos leves de diarreia aguda são resolvidos com jejum de 24 horas e dieta estrita. Os mais severos requerem um tratamento de apoio como fornecer soro, antibióticos, reguladores do trânsito intestinal ou o que o teu veterinário indicar.

Diarreia crónica

É considerada crônica quando a diarreia se prolonga por mais de duas ou três semanas. Sempre deves recorrer a um veterinário nestes casos, já que é preciso fazer um exame completo e uma história clínica exaustiva. Às vezes são necessários diversas análises e estudos funcionais.

Quase sempre há perda de peso (mas não sempre), pelo sem brilho, apetite variável, vómitos. A diarreia pode ser contínua ou intermitente.

As causas podem ser uma doença inflamatória do intestino, uma síndrome de má absorção, desordens funcionais do intestino, alterações metabólicas ou tumores. Seria muito longo incluir neste artigo a descrição de cada tipo, já que às vezes as diferenças são pequenas e difíceis de compreender sem um conhecimento acabado da fisiologia da digestão.

Em todos os casos de diarreia, uma parte importante do tratamento é uma dieta facilmente digerível para que os intestinos “descansem”. Pode conseguir-se em lojas ou ser preparada com quatro partes de arroz branco ou batatas fervidas e uma parte de queijo cottage ou carne magra ou ovos. Esta comida deve ser fornecida em três ou quatro porções por dia em vez de uma grande. A dieta caseira é apenas para “emergências” até que a diarreia se resolva, dado que carece de muitos nutrientes necessários e não se pode prolongar por muito tempo. A dieta comercial é a adequada para um tempo prolongado. Consulta o teu veterinário para te indicar como continuar caso seja necessário.

Dra. Isabel Iglesias

« Anterior

O período de adaptação de um cão adotado

Cuidados e manutenção da Iguana verde

Seguinte »

Deixe um comentário

¿Necesitas hacer una consulta veterinaria? Recuerda que tu veterinario de confianza es siempre el mejor profesional para ayudarte con la salud y el cuidado de tu mascota. Mas, da Tiendanimal , queremos sempre oferecer o melhor e, para isso, temos uma equipe de especialistas que o aconselharão através do Serviço de Consulta Veterinária em nosso site.