Manutenção da casota para cães

Manutenção da casota para cães

A casota é um lugar onde o teu cão passa várias horas, por tanto é importante que seja um espaço limpo e seco para o teu amigo. Segundo o material, pode precisar apenas uma limpeza periódica ou tinta e repor alguma peça quando for necessário.

A limpeza deveria ser feita, aproximadamente, uma vez por mês, mas na época da muda do pelo pode ser ainda mais frequente. O primeiro que deve fazer é esvaziar a casota; se houverem brinquedos, mantas ou um colchão lavável, este é o momento de colocá-los na máquina de lavar ou limpá-los com um pano húmido, irá depender do tipo de material, e logo deixar ao ar livre para ventilar.

A seguir, abre o teto da casota, se for possível, para ter um melhor acesso ao interior; logo, com uma vassoura retira os pelos, restos de comida e qualquer outro resíduos grande. Depois prepara um balde com água e sabão ou detergente suave e uma escova. Podes usar os produtos de limpeza da cozinha ou um especial para cães com agente bactericidas e provavelmente menos irritantes. Se preferires, podes preparar uma solução de limão ou vinagre com água para a limpeza.  Utiliza a escova para limpar o piso e as paredes por dentro. É aí onde costuma acumular-se um resíduo preto proveniente da oleosidade normal da pele do cão.  Esta camada provoca um odor desagradável e suja o animal.

Se a casota for de plástico podes usar a mangueira, mas se for de madeiras é melhor molhá-la o menos possível pois demora muito em secar e pode danificar a madeira.  Não é conveniente usar produtos de limpeza muito perfumados porque podes incomodar o cão; depois de tudo, a casota é o seu cantinho privado e deve cheirar como ele gostar! É melhor aplicar algum neutralizante de odores, ou até mesmo algum produto repelente de pulgas e insetos que aportará também um perfume suave.

Uma vez que tiveres a limpeza finalizada, enxagua bem para que não fiquem restos de produtos de limpeza e deixa que seque por completo.  Aproveita este momento para revisar o interior.  Observa se o teu cão tiver mordiscado algum canto, se alguma madeira está preta ou se há algum cravo ou peça que pudesse magoar o teu animal de estimação. No caso de alguma viga de madeira estar estragada, será necessário substitui-la. Recorda que a madeira, para uma boa conservação, deve ser envernizada para torná-la impermeável e prolongar a sua vida útil. Usualmente já vêm de fábrica com essa proteção, mas a cada 2 ou 3 anos é necessário aplicar uma nova camada, tanto no interior como no exterior.

Uma vez que a casota estiver seca, podes colocar novamente as mantas no seu lugar ou substitui-las por novas.  Podes deixar também alguns dos brinquedos favoritos na sua cama para se sentir acompanhado durante a noite.

Caso mores em um sítio com invernos muito frios, podes adicionar alguma forma de aquecimento seguro dentro da casota ou adquirir um isolamento térmico desenhado especialmente para evitar que o calor se dissipe.  Para isto também ajudam as portas de PVC, que são económicas e ajudam a manter o calor dentro da casinha.  Outra forma de aquecer o habitat do teu amigo é trocar a localização da casota para outro sítio com mais sol ou que se encontre protegido do vento por um teto ou uma parede.  No verão podes colocá-la novamente em um lugar mais fresco.

Partilha connosco a tua experiência, conselhos e dicas sobre a manutenção da casota do teu cão. 

 

Deixe um comentário