Alojamento para cobaias

Alojamento para cobaias

As cobaias são animais sociais, que vivem em grupo na natureza. Por isso, é muito melhor ter 2 ou mais juntos, já que terão companhia e viverão mais felizes. As fêmeas costumam dar-se melhor, mas podes ter também um casal e esterilizar um deles ou ambos para evitares a reprodução sem controlo.

Antes de comprar a gaiola para o teu novo porquinho-da-índia pensa bem que tipo de vida lhe vais oferecer. Se o animal for ficar sempre dentro da gaiola, deverá ser bastante grande como para colocar uma casinha e ter espaço para fazer exercício. Se, pelo contrário, vai andar solto pela casa ou pelo jardim, então podes comprar-lhe uma gaiola um pouco menor.

Quanto maior for a gaiola, mais confortável ficará a tua cobaia; pensa que 2 cobaias precisam de uma superfície de pelo menos 120 x 60 cm. Estes simpáticos animais de estimação não são grandes escaladores, de modo que podes fazer um abrigo sem teto dentro da casa. Se tiveres outros animais de estimação ou algum animal pode aproximar-se, um teto vai fornecer-lhe proteção contra possíveis ataques.

Os porquinhos-da-índia podem viver também ao ar livre quando o clima o permitir. Neste caso, deverão ter abundante sombra e algum cantinho com sol, caso queiram aquecer-se. Na natureza as cobaias saem das suas tocas quando o sol desce, já que é um horário mais seguro para proteger-se dos depredadores. Obviamente terás de preparar uma zona com teto e chão para manter-se sempre seca e proteger-se da chuva. Há umas maravilhosas casotas para roedores com jardim próprio fechado e bem protegido que pode acolher um grupo de cobaias.

O exercício é muito importante para todos os animais. Se a tua cobaia for passar muito tempo dentro da gaiola, convém comprar uma roda de exercícios para correr e gastar energia sempre que o precisar. É também uma boa ideia adicionar escadinhas, rampas, túneis, etc. para se entreter a explorar. Os brinquedos de madeira têm uma dupla função, dado que também fornecem material para roer e desgastar os dentes.

O substrato que usares deve ser suave, para não magoar os pés, e muito absorvente. Há substratos naturais feitos à base de espigas de milho ou de papel reciclado. Ambos são ecológicos e utilizam resíduos reciclados.

As cobaias são bastante bagunceiras dentro do seu hábitat. É comum que sujem os pratos de comida com excrementos, pelo que é recomendável usar pratinhos pendurados das paredes da gaiola ou de cerâmica, que são mais pesados e difíceis de virar. Devem ser pequenos para evitar que a cobaia consiga ficar dentro. Para a água são ótimas as garrafas com bola, já que mantém a água limpa e é possível ver facilmente quando é preciso preencher. Outro acessório genial é o suporte para feno, que o mantém longe do chão para evitar a sujidade. É muito importante que as cobaias tenham sempre uma boa quantidade de feno seco de boa qualidade à disposição, dado que a fibra insolúvel é parte fundamental da sua dieta e, além disso, ajuda-os a desgastar os dentes e molares.

Dra. Isabel Iglesias

Deixe um comentário