O chocolate faz mal aos cães?

,

Se pensas dar chocolate ao teu cão, tem em conta que é um alimento que contém teobromina, um alcaloide de sabor amargo proveniente da árvore do cacau, que os cães metabolizam de uma forma mais lenta que os humanos, acumulando-se nos seus órgãos, tornando-se tóxico. De modo que o chocolate é mau para os cães. 

Apesar disso, é uma das intoxicações mais comuns que se encontram nas clínicas veterinárias, especialmente em festividades como os aniversários e o natal.  

Depois da ingestão de chocolate, o cão tem um aumento de cálcio no interior das células cardíacas, responsáveis por possíveis arritmias.  Então, se um cão comer chocolate, o que acontece? Entre diversos sintomas que pode causar o chocolate nos cães, encontram-se os vómitos, a diarreia, o aumento da micção, hipertermia e hipertensão, que aparecem entre as 4 e as 12 horas posteriores à ingestão de chocolate. Igualmente, o veterinário pode detetar taquicardias durante a exploração do animal. 

De qualquer maneira, há que ter em conta que uma dose de chocolate é letal em cães se rondar entre os 250 e os 300 miligramas por quilograma de peso do cão, mas uma quantidade de 80 miligramas de chocolate é suficiente para causar uma intoxicação severa. Até 20 miligramas deste alimento pode causar aumento da ingestão de água, vontade de urinar e diarreia. Por tudo isso, e independentemente da quantidade, o chocolate é tóxico para os cães. 

Por todo isso, no caso de suspeitar que o cão ingeriu chocolate há que recorrer imediatamente ao veterinário, onde possivelmente irão realizar uma lavagem gástrica ao animal, além de controlar a sua respiração, tendo em conta que o chocolate nos cães é prejudicial para a saúde do animal. 

Também é importante avaliar o tipo de chocolate que foi ingerido.  O chocolate branco é o que menos quantidade de teobromina contém, o chocolate de leite e o chocolate preto são um maior risco para a saúde do animal.  

Teobromina em cães 

A teobromina é um componente vegetal que se gera durante a fotossíntese da árvore de cacau. Apesar de no ser humano, a sua metabolização ser fácil, no caso dos cães é lenta, tendendo a acumular-se no seu sistema até chegar a níveis de alta toxicidade. 

O efeito nocivo do chocolate nos cães pode variar em função do tamanho do animal e da quantidade de chocolate, além do tipo de chocolate, já que quanto mais puro for, maior concentração de teobromina terá. Daí que as variedades mais perigosas de chocolate sejam o amargo e as coberturas de chocolate, mas independentemente disso, qualquer tipo de chocolate é mau para os cães. E por isso, há que recordar que os cães não podem comer chocolate. 

O que acontece se um cão come chocolate? 

“O meu cão comeu chocolate, o que faço?”, perguntam-se os donos. Nestes casos o animal corre o risco de ficar intoxicado numa questão de horas, nas quais pode manifestar diferentes tipos de sintomas:  

  • Hiperexcitabilidade. 
  • Vómitos. 
  • Diarreia. 
  • Tremores. 
  • Febre. 
  • Aumento da pressão arterial. 
  • Insuficiência cardíaca. 
  • Convulsões. 

O meu cão comeu chocolate, o que devo fazer? 

Se suspeitas que o teu cão comeu chocolate, deves levá-lo imediatamente a uma clínica veterinária. Trata-se de uma urgência, tendo em conta que se se conseguir eliminar o chocolate do seu organismo em menos de uma hora, os efeitos nocivos da intoxicação ficam reduzidos. 

E se um cão come realmente chocolate, o que acontece? Então é provável que o veterinário realize uma lavagem gástrica ao animal, tendo em conta que a ingestão de chocolate nos cães pode ser drasticamente prejudicial para a saúde do animal. 

Em qualquer caso, recomenda-se deixar qualquer tipo de alimento que contenha chocolate fora do alcance dos cães, além de vigiar o comportamento do animal se este começar a manifestar os sintomas anteriormente citados. Não te esqueças que os cães não podem comer chocolate.  E tu? Compartilhas a tua vida com um cão? Na nossa loja online Tiendanimal encontrarás inúmeros produtos para cuidar dele como merece. Além do mais, se quiseres mais conselhos, não percas a secção Cuidados e saúde dos cães  do nosso blog.


Ajudante Técnico Veterinário especializada em etologia canina. Tiendanimal me permite trabalhar no que mais me apaixona: o mundo animal. Consigo conciliar o meu trabalho com voluntariados em protetoras, santuários, reservas e qualquer evento ou atividade relacionada. Tenho participado de diversos seminários e cursos relacionados com a educação canina, as aves, a primatologia e muito mais. Desfruto a aprender cada dia mais destes incríveis companheiros com os que temos a sorte de conviver.

« Anterior

Descobre a gama de ração para gatos Criadores

Gato Van turco: Conselhos, cuidados e características

Seguinte »

Deixe um comentário

¿Necesitas hacer una consulta veterinaria? Recuerda que tu veterinario de confianza es siempre el mejor profesional para ayudarte con la salud y el cuidado de tu mascota. Mas, da Tiendanimal , queremos sempre oferecer o melhor e, para isso, temos uma equipe de especialistas que o aconselharão através do Serviço de Consulta Veterinária em nosso site.