Conselhos para evitar riscos com os cães

Os cães são animais da família dos lobos e, apesar de terem se adaptado muito bem a viver connosco, os seus instintos são fortes e às vezes lhes ditam condutas que não são as mais apropriadas. Na maioria das vezes, as pessoas são as “culpadas” por incomodarem um cão e gerarem uma reação agressiva, mas quase sempre o animal é considerado o responsável. Aqui veremos algumas conselhos para evitar riscos com os cães.

Diretrizes para evitar riscos com cães

Aqui veremos algumas pautas de comportamento que devemos seguir e ensinar aos nossos filhos para evitar uma grande parte das mordida:

  • Quando vires um cão na rua nunca te aproximes para tocá-lo sem perguntar ao dono primeiro. Mesmo que for pequeno e pareça adorável, muitos cães são mal-humorados ou medrosos e não toleram que um estranho se aproxime. A sua reação instintiva será tentar afastar o que consideram uma ameaça e podes terminar com um dedo entre os seus dentes.
  • Se as tuas crianças estão a brincar em um espaço onde há cães, não deixes de observá-las a todo momento. As crianças, principalmente as pequenas, podem não resistir à tentação de fazer carinho no cãozinho ou esquecer os teus ensinamentos se a bola com que brincam cair próximo do animal.
  • Mantém distância de um cão que está a comer, que tem cachorros ou que está a dormir. Nos dois primeiros casos estará mais na defensiva do que nunca, e no terceiro, pode reagir e morder sem sequer ter tempo de perceber o que fez. Até as cadelas mais carinhosas podem atacar se acharem que os seus cachorros estão em perigo.
  • Se vires um cão que te observa de maneira ameaçadora, retira-te lentamente e em silêncio. Se o cão está quieto, não o olhes nos olhos, mas não fiques de costas até que estejas a uma boa distância e, se não for necessário, não levantes a tua mão nem faças movimentos que o assustem.
  • Não incomodes um cão que está tranquilo. Algumas pessoas se divertem dessa maneira e instigam o animal até que reage. Se fores assim, não reclames se receberes uma boa mordida.
  • Não grites, corras, patines ou passeies de bicicleta perto de um cão desconhecido. Essas ações podem excitá-lo ou acordar o seu instinto de perseguição. O cão pode te perseguir e morder os teus tornozelos por achar que se trata somente de uma brincadeira.
  • Se alguém tem medo dos cães, não o obrigues a tocar um. As pessoas medrosas tendem a fazer movimentos ou a ter atitudes que fazem o animal se sentir desconfortável ou ameaçado.
« Anterior

Iguanas: o terrário

Os melhores desparasitantes para cachorros

Seguinte »

Deixe um comentário

¿Necesitas hacer una consulta veterinaria? Recuerda que tu veterinario de confianza es siempre el mejor profesional para ayudarte con la salud y el cuidado de tu mascota. Mas, da Tiendanimal , queremos sempre oferecer o melhor e, para isso, temos uma equipe de especialistas que o aconselharão através do Serviço de Consulta Veterinária em nosso site.