Desparasitar gatos filhotes

Se tens um gato filhote há uma série de cuidados clínicos que deves ter em conta para garantir que ele tenha uma saúde plena. Um dos problemas mais comuns entre os gatinhos são os parasitas.

Se tens um gato filhote há uma série de cuidados clínicos que deves ter em conta para garantir que ele tenha uma saúde plena. Um dos problemas mais comuns entre os gatinhos são os parasitas.

A desparasitação é o processo necessário para eliminar do sistema digestivo ou da pelagem do teu animal de estimação os diferentes parasitas que ele possa ter. É um processo muito importante, já que se não desparasitares o teu gato, a sua saúde pode piorar gravemente e ele pode contagiar outros animais e inclusive pessoas.

É contagioso, por isso é importante fazer a desparasitação o quanto antes. 

Existem dois tipos muito diferentes de parasitas dependendo de onde se localizam:  

  • Os parasitas internos. Encontram-se no interior do corpo, principalmente no intestino, ainda que também possam se alojar no coração e nos pulmões, entre outros órgãos. Os mais habituais são os protozoários e os vermes intestinais, que podem chegar a causar sérias obstruções e feridas no intestino. Os seus sintomas são fadiga, tosse, abdômen inchado, falta de apetite, diarreia e vômitos. Deves ter um cuidado especial com estes parasitas se o teu gato é filhote, já que podem provocar um atraso no crescimento
  • Os parasitas externos. Também chamados ectoparasitas, vivem no exterior dos animais, seja na pele, no pelo ou nas orelhas. Os mais conhecidos são as famosas pulgas, que são bastante incômodas para o animal e se alimentam de sangue escondidas no pelo. Também fazem parte deste grupo os ácaros (causantes das sarnas), as carraças e os piolhos. 

Existem vários métodos para desparasitar os gatos.

Para os parasitas externos, podes encontrar os pentes antipulgas, as pinças para retirar as carraças, os champôs especiais, as pipetas, colares ou sprays desparasitantes para gatos e inclusive produtos para o lar com inseticidas. Para os parasitas internos também existem diferentes formatos, desde pastilhas ou comprimidos, pasta ou inclusive pipetas, que são ideais para gatos adultos aos quais é impossível dar algo pela boca.

Por isso é fundamental que quando o teu gato é pequeno e precises desparasitá-lo, o faças o quanto antes, já que os filhotes são muito mais vulneráveis do que os gatos adultos. 

Seja um gato adulto ou filhote é importante que consultes antes de qualquer coisa o teu veterinário para que te assessore e te indique o que é melhor para o teu animal de estimação. Lembra-te de que cada gato é diferente e requer cuidados diferentes. 


Como desparasitar gatos filhotes

Na hora de tratar os parasitas externos, as coleiras antipulgas costumam ser bastante eficientes, o inconveniente é que a maioria deles estão recomendados para gatinhos que já tenham entre 4-10 semanas de vida. Se o teu gato é muito menor, existem outros produtos em spray antipulgas que podem ser aplicados em gatos com dois dias de vida com grande segurança para o pequeno. 

Se foste ao veterinário e deram-te um tratamento para os parasitas internos do teu gatinho, terás que enfrentar a tarefa de como dar um medicamento ao teu gato. Não saber como fazê-lo pode se converter em uma verdadeira guerra. Os gatos são muito teimosos, e se não estão tranquilos podem tentar se defender do teu “ataque” com unhas e dentes. Aprende a acalmar o teu gato com estes simples passos para que possas administrar-lhes o medicamento de forma cômoda: 

  • Enrola o teu gato

Utiliza um lençol pequeno, uma manta fina ou uma toalha para enrolar o gatinho deixando só a cabeça exposta. Deves fazer isso de forma tranquila para que ele também se sinta tranquilo. 

  • Coloca-o entre as tuas pernas ou sentado no teu colo

Dessa forma o teu gato estará cômodo e tranquilo entre os teus braços e poderás ter mais controlo sobre ele. Assim será um processo muito mais fácil. 

  • Segura a sua cabeça

Coloca o teu dedo polegar e o teu dedo indicador nos dois lados da sua boca. Deves ter cuidado, já que a sua reação pode ser tentar morder-te ao se sentir ameaçado. 

  • Abre a sua boca

Faz um pouco de pressão com cuidado para que o teu filhote abra a boca. Lembra-te de estar calmo. Se o gato notar que estás tenso ou nervoso, ele também ficará agitado. 

  • Coloca a medicação em sua boca

Deixa a medicação para a desparasitação do teu gato pequeno cair na parte detrás da língua. 

  • Ajuda-o a engolir

Solta a boca do teu gato segurando ainda o focinho e levanta a sua mandíbula. Esfrega suavemente a sua garganta para criar-lhe a necessidade de engolir, mantendo a posição durante uns segundos até que tenhas certeza de que o gatinho já engoliu. 

  • Começa a soltá-lo 

Uma vez que tenhas a certeza de que o gatinho engoliu o medicamento, poderás soltar o seu focinho, mas é melhor que o segures sobre o teu colo durante alguns minutos. Dessa forma, garantirás que ele não vai cuspi-lo sem que percebas. 

  • Parabeniza-o pelo seu bom trabalho!

Após uns minutos já poderás soltá-lo. É importante que parabenizes o filhote pelo seu bom comportamento enquanto retiras o lençol aos poucos. Quanto mais carinho e prémios lhe dês, mais positiva será a sua reação em futuras ocasiões. Ele associará o processo como algo bom, tranquilo e relaxante. No entanto, se te estressares, pode ser que cada vez se torne mais difícil. 

Se segues estes conselhos poderás desparasitar o teu gatinho de uma forma confortável, e será uma atividade positiva para ambos. O teu animal de estimação estará calmo e feliz de estar no teu colo. 

Podes usar estes passos quando precises de dar ao teu gatinho qualquer outro tipo de medicamento. São conselhos muito úteis que te evitarão muitos problemas no futuro. 

Conheces alguma dica para ajudar a dar medicamentos ao te gato? Tiveste que desparasitá-lo quando era filhote? Conta-nos a tua experiência! 

« Anterior

Cuidados e aquário para os escalares

Qual é a melhor ração para o meu Labrador Retriever?

Seguinte »

Deixe um comentário

¿Necesitas hacer una consulta veterinaria? Recuerda que tu veterinario de confianza es siempre el mejor profesional para ayudarte con la salud y el cuidado de tu mascota. Mas, da Tiendanimal , queremos sempre oferecer o melhor e, para isso, temos uma equipe de especialistas que o aconselharão através do Serviço de Consulta Veterinária em nosso site.