Desmame de gatos: Com qual idade deixam de amamentar?

Como ocorre na maioria das espécies de mamíferos, no gato também é importante que o bebê seja alimentado pela mãe até que obtenha os nutrientes necessários, e que tenha alcançado habilidades específicas para sobreviver por si só. O leite também brinda a imunidade necessária para levar uma vida saudável. Agora, quanto ao desmame: com qual idade deixam de amamentar os gatos?

Durante os três primeiros dias após o nascimento dos gatinhos, a mãe amamenta com o primeiro leite que vai produzir, denominada colostro. É muito importante que este leite seja recebido pelos filhotes, já que brinda abundantes nutrientes e imunoglobulinas necessárias para prevenir diferentes infeções.

Posteriormente, a mãe continuará a produzir leite materno que, da mesma maneira, continuará a aportar nutrição e imunidade. Mas, além disso, este leite também vai brindar hormônios e enzimas necessárias e importantes para o crescimento dos filhotes. É por isto que devemos tentar que todo gatinho seja alimentado pela sua mãe, exceto naqueles casos em que não é possível.

O que é o desmame dos gatos? 

O desmame dos gatos se refere ao processo mediante o qual se faz a transição da alimentação exclusiva com leite materno para outros alimentos. Isto é muito importante para o desenvolvimento do gato, já que dele dependerá a sua saúde e comportamento quando for adulto. Por este motivo deve ser realizado no momento correto e, certamente, da maneira adequada.

Com qual idade podemos desmamar um gato? 

Na atualidade, não existe teoria científica que indique com qual idade os gatos deixam de mamar exatamente, já que a própria mãe o faz de forma natural em cada caso. No entanto, sabemos que isto costuma coincidir com a terceira ou quarta semana posterior ao nascimento.

A partir da terceira semana os gatinhos começam a interagir entre eles e com o meio que os cerca, inclusive com a comida, por isso esta é a idade ideal para começar o desmame. Da mesma forma, neste período o seu sistema digestivo sofre importantes mudanças na sua função. Já pela sexta semana de vida os gatos estão totalmente aptos para comer alimento sólido.

Como realizar o desmame dos gatos? 

Não é somente importante saber com qual idade podemos realizar o desmame de um gato, mas também como fazê-lo. É importante deixar os gatinhos junto com a mãe até que o processo de desmame se complete, mais ou menos até as 12 semanas. No entanto, a partir da terceira ou quarta semana podemos começar a introduzir os novos alimentos que vão substituir o leite materno.

A continuação, apresentamos alguns passos para seguir até conseguir o desmame completo do gato de forma satisfatória em função de cada etapa:

  • Quarta e quinta semana: Neste período o gato ainda continua mamando, mas já é possível oferecer alimentos sólidos aptos para a sua idade. Estes podem ser humedecidos com leite de fórmula para gatos para conseguir uma textura pastosa.
  • Quinta e sexta semana: Nestas semanas já é possível começar a dar ração ao pequeno. Para que tenha uma melhor consistência e que a mudança não seja tão brusca, deve humedecer a comida com água.
  • Sexta e sétima semana: O método anterior continuará, mas humedecendo cada vez menos a comida. Já para a oitava semana o desmame pode estar a finalizar e o gato vai se encontrar em ótimas condições para comer sólido.

O que acontece se desmamamos os gatos antes da idade recomendada?

Muitas vezes as pessoas não possuem conhecimento da idade adequada de desmame e separam os gatinhos da mãe antes do tempo. Demostrou-se que um desmame precoce pode gerar problemas de comportamento em gatos adultos.

Desmame precoce e consequências para a mãe

Fazer um desmame de gatos precoce pode trazer consequências muito negativas para a mãe, por isso é importante saber quando se deve desmamar um gato. Se for feito de forma muito precoce, a mãe pode sofrer mastite ocasionada pelo acúmulo de leite nas mamas. Esta afeção não é grave, mas pode incomodar a gata.

Uma vez que tenhas esperado doze semanas, como explicamos anteriormente, a mãe vai saber de forma intuitiva que os filhotes já podem ser independentes e sobreviver no mundo que os cerca. Caso contrário, se a separamos antes dos bebês, a gata pode sofrer e entrar em um estado de tristeza. Nestes casos em que o desmame foi precoce, é necessário lavar a cama, onde se encontravam os utensílios e as almofadas que possam ter o cheiro dos gatinhos.

Importância dos comedouros 

É fundamental que cada gatinho tenha o seu comedouro e bebedouro. Estes têm que ser pequenos e não muito profundos para que possam cumprir com a sua função. Caso contrário, o gato poderia ter dificuldade no momento de comer.

Se durante o processo de transição o gatinho ainda não estiver preparado para comer em comedouros, podes optar por uma seringa na qual coloques o substituto do leite e alimentá-lo mediante este instrumento até que seja mais autossuficiente. No entanto, isto não pode ser feito durante muito tempo, já que estaríamos a condicionar o gato e isso poderia retardar o seu aprendizado.

Encontras tudo o necessário para o cuidado do teu gatinho em Tiendanimal. Temos uma seção especial para os mais novinhos, com leite maternizado, comida húmida e ração das melhores marcas. Com estes produtos vais ter certeza de que ele vai crescer e se desenvolver de maneira ótima.


Ajudante Técnico Veterinário especializada em etologia canina. Tiendanimal me permite trabalhar no que mais me apaixona: o mundo animal. Consigo conciliar o meu trabalho com voluntariados em protetoras, santuários, reservas e qualquer evento ou atividade relacionada. Tenho participado de diversos seminários e cursos relacionados com a educação canina, as aves, a primatologia e muito mais. Desfruto a aprender cada dia mais destes incríveis companheiros com os que temos a sorte de conviver.

« Anterior

Natal com gatos: Ainda mais especial!

American Staffordshire Terrier: Conselhos, Cuidados e Características

Seguinte »

Deixe um comentário

¿Necesitas hacer una consulta veterinaria? Recuerda que tu veterinario de confianza es siempre el mejor profesional para ayudarte con la salud y el cuidado de tu mascota. Mas, da Tiendanimal , queremos sempre oferecer o melhor e, para isso, temos uma equipe de especialistas que o aconselharão através do Serviço de Consulta Veterinária em nosso site.